Estou na Contramão?

Percebo um movimento muito grande contra os celulares e tablets para as crianças mas ao contrário disso sou super à favor de crianças brincando com esses aparelhos.

Para mim, tudo que é na medida certa não tem problema. Nós pais, temos que saber dosar o tempo e o momento certo para cada um de nossos filhos, pois o que é bom para uma criança, pode não ser para outra.

Não quero dizer que as crianças tenham que ter um número de celular para receber ligações e sim momentos de acesso à joguinhos educativos e desenhos para se distraírem e também aprenderem. .
Domingo por exemplo, a Isa acordou as 6:00 da manhã no maior pique. Não pensei duas vezes. Dei o celular e ela ficou no @playkidsbr por mais uma hora enquanto eu me dava ao luxo desse hora a mais de sono.

Quando viajamos longas distâncias, a @netflixbrasil também é nossa aliada.

A Isa está numa fase que se cansa da mesma atividade por longos períodos então procuramos diversificar quando exigimos dela momentos que sabemos que causará certa impaciência.

Nosso kit distração tem livros, lápis de cor, massinha, bonecas Polly Pocket @mattel e o celular sempre carregado. Se estamos no carro, ainda cantamos e inventamos histórias.

E você? O que pensa sobre o uso dos aparelhos?

Não vejo o que 1 horinha de desenho no celular possa fazer mal. Tem pessoas que optam pela TV e acho ser a mesma coisa.

😘😘😘  Carla

Texto de Carla Ikeda Biscaldi Clobucar

Imagem – acervo pessoal

 

Comentários

Comentários