O nascimento dos dentes de leite – sintomas e cuidados

O nascimento dos primeiros dentes pode deixar a criança chata e irritada por causa do desconforto que a erupção dos dentes ocasiona, deixando mães e pais preocupados, sem saber o que fazer para acalmar o bebê.

A erupção dentária é um processo natural, mas é sem dúvida um momento difícil para alguns bebês. Cada criança terá seu próprio tempo para o surgimento dos dentes na boca. Este processo é hereditário, mas pode ser alterado devido a mudanças de saúde ou de ambiente.

Mesmo antes de nascerem os primeiros dentes, por volta do sexto mês de vida, recomenda-se a higienização de bochechas, língua e gengiva com uma gaze ou fralda umedecida para que o bebê já vá se acostumando com o hábito e com a intervenção na boca. Isso pode ser feito 1x ao dia , por exemplo após o banho.

Quando o seu bebê tiver os seus primeiros dentes, é recomendado marcar uma consulta com o seu dentista. Mesmo que não haja muito para se olhar, o dentista estará apto a recomendar uma dieta e práticas que favoreçam a saúde oral do seu bebê. Além disso, o seu bebê se acostumará ao ambiente do consultório odontológico.

Os primeiros sinais de que os dentes estão chegando são coceira na gengiva pela pressão dos dentes, gengiva mais abaulada e esbranquiçada e aumento da salivação por conta do amadurecimento das glândulas salivares e pela incapacidade do bebê engolir toda a saliva. Todos esses sintomas deixam o sono do bebê mais agitado.

O bebê pode apresentar sintomas como irritação, estado febril e desconforto em geral. Podem ocorrer fezes mais líquidas e outros, porém a febre ou infecções pulmonares não estão relacionadas com o nascimento dos dentes de seu filho, podendo aparecer por coincidência na mesma época.

O bebê leva a mão e tudo o que pega à boca, principalmente para aliviar a coceira das gengivas. As impurezas são transportadas do ambiente para o organismo do bebê podendo ocasionar estados febris, vômitos e diarréias, sintomas sempre relacionados com o aparecimento dos primeiros dentes.

Para aliviar o desconforto, ofereça ao bebê mordedores para massagear a gengiva. O alívio será maior se antes o mordedor ficar na geladeira, o frio ajuda a confortar a região.

Algumas crianças já nascem com o dente de leite (dentição decídua), chamados natais ou neonatais. As mães não devem ficar apavoradas com isso, devendo procurar um odontopediatra para melhor orientá-las.

Normalmente, estes dentes são os incisivos inferiores. O dente pode ser deixado caso não estiver causando qualquer dificuldade à criança. Essa dentição precoce, entretanto, pode machucar a língua do bebê e o seio da mamãe durante o aleitamento materno.

Para que isso não aconteça, o odontopediatra fará um polimento dos dentes.

Mas se o dente estiver muito mole com perigo da criança aspirá-lo, o odontopediatra então fará uma cirurgia simples para extraí-lo. Os pais podem ficar despreocupados que outro dente nascerá no lugar do dente extraído.

Por volta dos 6 meses de idade podem surgir os primeiros dentinhos que são os incisivos centrais inferiores, depois em ordem crescente:

  • Os incisivos centrais superiores;
  • Os incisivos laterais inferiores(por volta dos 11 meses de idade);
  • Os incisivos laterais superiores(por volta de 1 ano e 2 meses de idade).
  • Seguem-se os primeiros molares decíduos, os caninos e os segundos molares decíduos.

Aos 3 anos, seu filho terá todos os dentes de leite (dentição decídua completa). Ao todo, são 10 dentes na arcada de cima e 10 na arcada de baixo.

Segue uma tabela com a sequência do nascimento dos dentes de leite:

Sequência do nascimento dos dentes de leite

Tabela: Sociedade Brasileira de Pediatria

As funções dos dentes de leite:

• Conduzir os dentes permanentes em formação abaixo deles a uma
correta posição;
• Manter a integridade das arcadas dentárias para que se estabeleça
o adequado desenvolvimento e crescimento orofacial da criança;
• Permitir que a criança fale, mastigue e degluta alimentos corretamente;
• Favorecer a estética, dando a criança um sorriso bonito e saudável.

Os pais não devem ficar preocupados se no primeiro aniversário do seu filho ele ainda não tiver nenhum dente. É normal um atraso de até 8 meses.

Importante: Assim que nascer o primeiro dente do seu filho é preciso sempre higienizá-lo!!!

Com o surgimento dos primeiros dentes pode-se usar escova de dente infantil com cerdas macias somente molhada em água fervida ou filtrada , 2x ao dia. O uso da dedeira de silicone também é uma alternativa para essa fase, embora sua ação maior seja massagear as gengivas diminuindo o desconforto causado pela erupção dos dentes.

Fonte de pesquisa: Clínica Infantil Reibscheid e Sociedade Brasileira de Pediatria

Comentários

Leave a comment