Piolho. Ah não! E agora?

Ter piolho não é sinal de falta de higiene já que os danadinhos gostam é de ambientes limpos e por isso os cabelos das crianças são os mais afetados.

Os piolhos são parasitas que medem cerca de 2 a 4 mm e geralmente tem a cor muito parecida com as dos cabelos que se agarram com seus três pares de patas aos cabelos e couro cabeludo.

Alimentam-se de sangue do couro cabeludo e a saliva injetada durante a picada causa coceira e manchas vermelhas.

Quando descobrem os piolhos, a maioria das pessoas, não consultam um médico, mas gestantes, lactentes, crianças pequenas, alérgicos à produtos químicos, pessoas com asma ou epilepsia devem sim consultar um médico antes de iniciar um tratamento com shampoo ou remédios via oral.

Estes shampoos e remédios estão à venda em farmácias. Os shampoos são à base de lindano, permetrina, deltametrina, malation e dermetrine.

A vantagem dos shampoos e remédios via oral é a facilidade na aplicação e ingestão, mas devido ao aumento dos piolhos em relação aos produtos contra o piolho, tratamentos mecânicos (sem agentes químicos) tem sido bastante usados.

Afeto-de-Mãe-piolho-1

Dentre os tratamentos mecânicos podemos destacar:

  1. Dimeticona: cobre-se o piolho com filme oclusivo que compromete seu equilíbrio hídrico. Obstrui os orifícios respiratórios levando à sua morte. Não é muito eficaz para as lêndeas.
  2. Octano – 1,2 diol: é um álcool que ataca e envolve os piolhos. Eles secam à partir de dentro e morrem.
  3. Óleo de côco: ao passar no couro cabeludo, envolve o piolho e bloqueia a sua respiração.

Dicas de como combater os piolhos:

  1. Cortar o cabelo bem curto para facilitar a visualização de lêndeas e piolhos.
  2. Usar pente fino por cerca de 30 minutos.
  3. Passar água com vinagre nos cabelos, pois o vinagre dissolve a casca das lêndeas.
  4. Mergulhar pentes, escovas e presilhas de cabelo em água com a temperatura de 60 graus Célsios com sabão durante 10 minutos.
  5. Evite contato com copos, toalhas e acessórios de criança com piolho.
  6. Não utilize secador de cabelo.
  7. Amarre o cabelo das meninas para reduzir o risco de contaminação, já que a maioria das meninas tem cabelos compridos.

A guerra contra os piolhos não costuma ser muito fácil e sim longa e complicada, pois um adulto ou criança pode estar com piolho e infectar novamente quem está próximo de se ver livre deles.

Após 10 dias de tratamento, deve ser repetido o controle sobre toda a cabeça para ver se realmente não há mais piolhos ou lêndeas.

Afeto-de-Mãe-Piolho-gráfico

Imagens: Google

Fonte de Pesquisa: criasaude.com.br, minhavida.com.br; mdsaude.com

Postado por Carla Ikeda Biscaldi Clobucar

Afeto de Mãe

Comentários

Comentários