Precisamos ouvir melhor as crianças: Josefina quer ser bailarina

Precisamos ouvir melhor as crianças. Quantas vezes já não escutamos algo de nossos filhos e deixamos para lá ou interpretamos erroneamente?

Tenho lido este livro para a Isa porque ela adorou a história e pede de vez em quando para repetí-la. Mais que ela, quem gostou fui eu! De uma maneira tão sutil gera a reflexão de que devemos sempre estar atentos as vontades e necessidades de nossos filhos.

Ouvir melhor os nossos filhos é a mensagem que está por trás da história de Josefina quer ser bailarina, um livro de Claudia Souza, com delicada ilustração de Alexandre Rampazo.

 

 

Insistente como só as crianças sabem ser, Josefina martelava a cabeça dos pais há meses com um pedido. E os pais se desdobraram para atender. Só que não era bem aquilo que ela queria. O novelo dessa história é desenrolado com muita criatividade pela autora Claudia Souza, no livro Josefina quer ser bailarina, uma publicação da Editora do Brasil.

Ela resolveu escrever a história para abordar, de um modo poético e irônico, uma questão comum em algumas famílias. “Já conheci muitas Josefinas, isto é, meninas que querem brincar de ser alguma coisa e os pais, não entendendo isso a partir de seu mundo adulto, interpretam como uma demanda de curso, de atividade”, observa Claudia. Psicóloga de formação, ela explica que nem sempre os adultos conseguem compreender as crianças porque partem de suas próprias referências. “No livro, procurei demonstrar que tudo pode ser resolvido com uma boa conversa em que os adultos se disponham a realmente escutar as crianças”.

Um dos destaques do livro é a forte conexão entre o texto e a imagem, um trabalho do ilustrador Alexandre Rampazo. “Ele foi muito competente em ‘enxergar’ a história e ilustrou os dois mundos de que ela trata, adultos e crianças, usando a dobra das páginas quase como um abismo entre eles”, explica Claudia. “De um lado está o mundo dos adultos, pequeno, complicado, esquálido. Do outro, a exuberância do mundo infantil, colorido, livre, alegre. No final, quando esses dois mundos finalmente se encontram, é uma explosão de alegria”, completa.

Sobre a autora

Além de escritora, Claudia Souza é psicóloga do desenvolvimento e da educação. Trabalha com as crianças e suas famílias há mais de trinta anos e convive de perto com o universo retratado no livro Josefina Quer Ser Bailarina. Mora em Milão, na Itália, onde trabalha em uma cadeia de escolas infantis bilíngues, coordenando o Departamento de Cultura Lúdica Internacional. Já tem livro publicados em oito idiomas.

Ficha técnica:

Obra: Josefina quer ser bailarina

Autora: Claudia Souza

Formato: 25 x 21,5 cm

Número de páginas: 32

ISBN: 978-85-10-06150-6

Sobre a Editora do Brasil:

Fundada em 1943, a Editora do Brasil atua há mais de 70 anos com a missão de mudar o Brasil por meio da educação. Como empresa 100% brasileira, foca a oferta de conteúdos didáticos, paradidáticos e literários direcionados ao público infantojuvenil. Foi fundadora da CBL, SNEL, FNLIJ, IPL e da Abrelivros. Os títulos estão disponíveis para comercialização por meio da loja virtual da Editora Brasil (http://www.editoradobrasil.com.br/lojavirtual/) ou nas lojas físicas, em São Paulo (Rua Conselheiro Nébias, 887 – Campos Elíseos, São Paulo – SP), Rio de Janeiro (Rua do Bispo, 150 – Rio Comprido-RJ) e Natal (Rua dos Caicós, 1533 – Alecrim, Natal- RN).

Publicado por Carla Ikeda Biscaldi Clobucar

Comentários

Comentários