Febre nem sempre é motivo para esquentar a cabeça!
Febre nem sempre é motivo para esquentar a cabeça!

Objeto de dúvidas, mitos e medos, a febre deve ser encarada de forma racional. Em muitas casos, é apenas o chamado “estado febril”, em outros é um importante sinal de alguma doença – mas, em ambos os casos, há medidas que podem ser tomadas para ajudar a criança a se sentir melhor. Com base em informações livro publicado pela editora Martins Fontes, “Cuidem bem de mim: as doenças explicadas aos pais” (2013), damos algumas dicas que vão te acalmar e mostrar que a febre, nem sempre, é motivo de dor de cabeça.